O que é um Integrador de Marketplace?

26/07/2021

integrador de marketplace

Integrador de marketplace é uma ferramenta indispensável para o lojista que vende em diferentes canais de venda online. Trata-se de um sistema que centraliza toda a operação de uma empresa que vende em marketplaces, usa um ERP e também possui um e-commerce próprio.

Com a internet, milhares de lojistas podem estar em vários pontos de venda online sem altos investimentos, é uma forma acessível de ser multicanal e expandir os negócios.

Uma das maneiras mais vantajosas de ser um vendedor multicanal é estar nos maiores marketplaces do Brasil, que funcionam como shoppings online onde vários lojistas anunciam seus produtos em uma plataforma com muitos acessos e alta credibilidade no mercado como, por exemplo, Mercado Livre, Amazon e Americanas.com e Submarino.

Como prova da importância desse segmento, podemos olhar para os dados, em que os marketplaces representaram 78% do faturamento total do mercado de e-commerces no Brasil em 2020, segundo dados da Ebit | Nielsen.

Agora imagine um vendedor que anuncia seus produtos em vários marketplaces, sem um integrador, ele precisaria ter estoque separados, cadastrar os produtos em cada um dos sites, gerenciar os pedidos separadamente, entre muitas outras operações que seriam divididas e prolongadas.

Todas as vezes que houvesse ajuste de preço, o vendedor entraria em cada um dos marketplaces para ajustar a informação. Tudo isso demandaria muito tempo e facilmente ocasionaria falhas nos pedidos e no estoque, é um processo inviável. Por isso existe o integrador de marketplace, para que esse vendedor possa gerenciar todas as operações em uma só ferramenta de maneira rápida, fácil e automatizada. 

Para que você entenda melhor o que é um integrador de marketplace, neste post abordaremos os seguintes tópicos:

  • O que é um integrador de marketplace
  • Quais as funções
  • Qual a diferença entre hub de integração e um ERP
  • Como escolher um integrador de marketplace
  • É vantajoso vender em vários marketplaces?

O que é um integrador de marketplace?

Integrador de marketplace é uma ferramenta que centraliza em um só sistema a operação do lojista que vende em diferentes marketplaces.

Também chamado de “hub de integração”, sua função é conectar diferentes contas de uma empresa nos marketplaces, e também e-commerce próprio e o ERP (software que centraliza as informações de praticamente todos os setores de uma organização), caso o seller também utilize essas outras plataformas.

Através dessa integração multicanal, o lojista consegue gerenciar e executar todas as operações de suas vendas online em uma única ferramenta e tela, ganhando muita produtividade e reduzindo falhas nos processos.

Por exemplo, imagine que você tem uma loja de móveis e vende no seu e-commerce próprio e nos marketplaces Amazon, Mercado Livre, MadeiraMadeira, Americanas.com, Casas Bahia, Leroy Merlin, Ponto e Extra.com.

Seria muito difícil gerenciar as vendas separadamente em cada canal, sem um hub de integração seria necessário:

  • Ter um estoque separado para cada um dos sites; 
  • Usar várias telas para gerenciar os pedidos que chegam (o que aumentaria as chances de erros nos envios e os gastos da empresa);
  • Criar e atualizar anúncios de produtos um de cada vez nos sites, consumindo muito mais tempo e gerando mais demandas que podem ser automatizadas.

Com o integrador de marketplace:

  • Seu estoque é unificado;
  • Em uma única tela você recebe, vê e gerencia os pedidos que chegam de diferentes sites (e-commerce próprio e marketplaces);
  • Pode replicar os anúncios de uma plataforma para todas as outras em poucos cliques em uma única ferramenta; 
  • Consegue cadastrar produtos de maneira muito mais rápida e fácil, importando o cadastro de produtos do seu e-commerce ou de um marketplace para todas as outras contas que você criar;
  • Pode emitir todas as notas e etiquetas de uma única vez;
  • Gera relatórios que refletem muito mais a realidade das suas vendas em todos os canais.

Quais as funções de um integrador de marketplace?

O integrador de marketplace unifica canais de venda e possui diversas funcionalidades para facilitar e automatizar as operações.

As funções do hub de integração podem variar conforme a empresa que oferece a ferramenta, mas, em geral, as funções de um integrador de marketplace são:

  • Fazer a gestão de pedidos e unificar a operação;
  • Emissão de notas fiscais;
  • Status de rastreio do pedido (tracking);
  • Centralizar e oferecer maior controle de estoque;
  • Replicar anúncios de mídia paga nos marketplaces;
  • Importar e replicar cadastro de produtos; 
  • Facilitar e automatizar atualização nas informações de produtos em diversos canais;
  • Relatórios para uma visão geral de venda;
  • Ampliar as possibilidades de venda.

Gestão de pedidos dos marketplaces e operação unificada 

No hub de integração é possível receber os pedidos da loja virtual e dos marketplaces em um único sistema. Dessa maneira, o lojista tem uma visão completa da sua operação, pois em uma única ferramenta consegue gerenciar os pedidos que chegam, o estoque é alterado automaticamente, pode emitir nota fiscal, gerar etiquetas e atualizar o status dos pedidos para que os marketplaces e os clientes sejam notificados. 

Centralizar e oferecer maior controle de estoque

Um dos principais benefícios de um integrador de marketplace é unificar o estoque, mesmo que o seller tenha um e-commerce e venda em mais de 20 marketplaces diferentes.

A funcionalidade de centralizar o estoque permite que os lojistas entrem em novos marketplaces que o ajudem a aumentar as vendas e expandir sua empresa. Sem um integrador, é muito complicado gerenciar a quantidade de produtos em cada um dos canais de venda, o que na maioria das vezes gera falhas no estoque e envio dos pedidos, perda de vendas e prejuízos na reputação do seller. 

Replicar anúncios de mídia paga nos marketplaces

Os principais marketplaces do mercado, como o Mercado Livre, Magazine Luiza, B2W (Americanas, Submarino e Shoptime) e Via Varejo (Casas Bahia, Extra e Ponto Frio), oferecem a opção de Ads (mídia paga) para os anúncios de produtos, permitindo que os vendedores deixem seus itens em posições de destaque no site, como topo das buscas, em banners que surgem durante a navegação no site, na página inicial, entre outros meios. 

Os ads em marketplaces são estratégias excelentes para aumentar os acessos nos anúncios dos seus produtos e, consequentemente, as vendas. Para os vendedores que aproveitam essa oportunidade, no hub de integração é possível importar anúncios já criados e replicá-los para outras contas e outros canais de venda!

Importar e replicar cadastro de produtos

Da mesma maneira que é possível replicar anúncios para várias contas em marketplaces, com um integrador o seller pode importar produtos já cadastrados no ERP da sua loja e replicar para diversos canais de venda. Tarefa que ao ser automatizada economiza muito tempo e mão de obra da empresa, além de evitar divergências em informações relevantes dos produtos, como valores, composição ou modo de uso – que, quando errados, podem prejudicar a reputação do vendedor e gerar prejuízos financeiros.

Relatórios para uma visão geral de venda

Relatórios de diferentes canais para que o gestor possa ter uma visão ampla dos pedidos, da produtividade, de quais canais estão gerando mais faturamento, dos repasses dos marketplaces, entre outros fatores específicos que cada hub de integração fornece.

Ampliar as possibilidades de venda

Com um integrador de marketplace o vendedor ganha mais produtividade, melhora a operação e sua gestão, consegue otimizar resultados e ter maior controle dos negócios mesmo em diferentes canais. Tudo isso permite que a empresa planeje facilmente ingressar em diferentes pontos de vendas para expandir as oportunidades.

Qual a diferença entre integrador de marketplace e ERP e plataforma de vendas?

Você já sabe que o hub de integração unifica todos os canais que envolvem as vendas online, mas para que não haja dúvidas, vamos definir exatamente o que são todos esses canais!

ERP é um sistema de gestão que aborda todos os processos administrativos de uma empresa (como contas a pagar e entrada de itens no estoque), a plataforma de vendas é o site em que os pedidos são feitos (como a hospedagem de um e-commerce ou os marketplaces).

Enquanto o hub de integração é o que conecta ERP e as plataformas de vendas para que o lojista gerencie todos os canais ao mesmo em uma só ferramenta, de maneira rápida e fácil, com funções que ajudem a operação acontecer de forma mais automatizada e prática.

Qual escolher: ERP ou Hub de Integração?

O ERP é um sistema que toda empresa deve ter para acompanhar o faturamento, as contas, pagamentos, recebimento e saída de produtos, entre outras tarefas administrativas. 

Quem vende em mais de dois marketplaces, é importante contar com as duas ferramentas! Tanto o ERP como o Hub de Integração são essenciais juntos para quem vende em vários canais simultaneamente. 

O ERP cuidará das demandas mais administrativas, e o integrador de marketplace unifica todos os sites de venda e o ERP, permitindo que o lojista e toda equipe realizem a operação de todos esses canais em um só sistema. Além disso, o Hub de Integração oferece controle de estoque independente da quantidade de marketplaces que o lojista está, evitando falhas na expedição. 

Portanto, o Hub de Integração e o ERP são necessários juntos quando a empresa vende em mais de um ponto de venda online. 

Como escolher um integrador de marketplace

O hub de integração é um aliado dos vendedores e deve oferecer eficiência e agilidade na operação de agentes das vendas multicanais. Por isso, é necessário escolher uma ferramenta confiável, com múltiplas funcionalidades e suporte ao seller.

Ao escolher um integrador de marketplace, é preciso considerar se o hub possui:

  • Integração com os principais marketplaces e plataformas de e-commerce do mercado;
  • Certificação dos marketplaces;
  • Capacidade para altos volumes de vendas;
  • Cadastro de produtos simplificado;
  • Múltiplas funcionalidades;
  • Ser uma plataforma que acompanha o mercado;
  • Suporte; 
  • Quais os planos e formas de pagamento;
  • Se oferece testes gratuitos.

Integração com os principais marketplaces do mercado

Um hub precisa integrar com os principais marketplaces do mercado. Mesmo que o vendedor não venda em todos ainda, é interessante contar com um integrador mais completo, que permita o lojista expandir seus canais de maneira fácil, rápida e automatizada – sem que seja necessário mudar de hub ou efetuar longos cadastros para entrar em um novo site.

Hubs de integração com certificados dos marketplaces

Alguns marketplaces certificam os hubs quando o integrador segue todas as exigências, por isso os hubs que possuem selos oferecem uma experiência mais completa, segura e com alto desempenho aos vendedores.

O Mercado Livre, por exemplo, é um dos marketplaces que dá selo de parceria aos integradores que seguem todas as normas de usabilidade e segurança.

Capacidade para altos volumes de pedidos

Os marketplaces recebem milhões de acessos por dia e, consequentemente, o volume de vendas também é muito alto. Por isso, o integrador deve ter estrutura para uma grande demanda de pedidos, de forma que a operação seja com rapidez e facilidade em diferentes canais.

Cadastro de produtos simplificado

Oferecer uma maneira prática de cadastrar produtos em diversos canais simultaneamente é uma das maiores necessidades que um integrador de marketplace deve atender. Por isso, o lojista precisa optar por uma ferramenta com funcionalidade de cadastrar e replicar anúncios de produtos em vários canais de maneira prática, para que haja ganho de tempo na gestão das vendas.

Múltiplas funcionalidades 

Ao escolher um integrador de marketplaces, além de conferir as funções básicas para unificar os canais em uma única ferramenta, o vendedor deve analisar todas as funcionalidades que a plataforma entrega, como integração com transportadoras, relatórios, calculadora de preços, entre outras possibilidades que possam estar inclusas no pacote e ajudar na operação.

Plataforma que acompanha o mercado

Um integrador de marketplace precisa acompanhar as mudanças e novidades desse segmento para oferecer atualizações e informações úteis ao vendedor, que o ajudem a acelerar e ampliar as vendas. Por isso, confira os conteúdos disponibilizados pelo Hub, o quanto a marca participa de eventos e promove parcerias com os marketplaces, pergunte se as funções estão atualizadas de acordo com as possibilidades de cada plataforma, entre outras questões que podem apontar o quanto o integrador está a par do mercado online que muda com tanta frequência.

Suporte 

Oferecer um bom suporte aos vendedores é um item essencial para um integrador de marketplace. Priorize na escolha de empresas que não apenas dão suporte quando acontece algum problema, mas também fornecem apoio ao vendedor antes e depois de se tornar cliente, para que o lojista possa entender e aproveitar as funcionalidades da plataforma.

Avalie a forma de pagamento

Um fator importante na hora de escolher um hub de integração é o pacote e a forma de pagamento que as empresas oferecem.

Há integradores que cobram uma porcentagem a cada venda e outros que cobram apenas uma mensalidade. Cabe ao lojista analisar qual a melhor proposta que se encaixa no orçamento e oferece mais benefícios.

Geralmente, os integradores que cobram somente a mensalidade são muito mais vantajosos do que os que pedem comissão por cada venda. Os sellers preferem pagar um preço fixo sem interferir nos valores dos itens ou realizar repasses de lucro. 

Integrador de marketplace que oferece teste gratuito

Fazer o teste de uma ferramenta é sempre importante para entender melhor como funciona e se aplica ao seu modelo de negócio. Hubs que permitem que o vendedor teste gratuitamente a plataforma por alguns dias são uma boa pedida para ajudar na hora da escolha!

Conheça o Ideris: um dos integradores de marketplaces mais completo do mercado!

Ideris é um dos hubs de integração mais completo para gerenciar as vendas em diferentes marketplaces, além de oferecer funcionalidades como: controle de estoque, publicar anúncios massivamente, análise de concorrência, multicontas, impressão de etiquetas e muito mais!

Alguns diferenciais do Ideris:

  • Não há cobrança de porcentagem sobre as vendas;
  • Possui pacotes para empresas de pequeno à grande porte;
  • Oferece implementação grátis do sistema;
  • Possui aplicativo para celular com funções para otimizar a operação e permitir que o lojista controle as vendas de qualquer lugar;
  • Disponibiliza suporte técnico via chat com atendimento rápido;
  • Apoia o cliente com conteúdos no Ideris Academy e no Conexão E-commerce;
  • Certificado de parceiro do Mercado Livre;
  • Empresa do Grupo Locaweb com alto reconhecimento no mercado;
  • Oferece sete dias grátis para teste;
  • Número ilimitado de SKU, ou seja, é possível cadastrar quantos produtos desejar sem valores adicionais;
  • Réplicas ilimitadas de anúncios.

Venda nos principais marketplaces e otimize seus resultados!

Teste o Ideris por 7 dias grátis.

Com quais canais e plataformas o Ideris permite integração?

O Ideris possui parceria e integração com os principais marketplaces, ERPs, lojas virtuais, sistemas de frete e conciliadores financeiros. 

Marketplaces:

  • Mercado Livre
  • Amazon
  • Americanas.com
  • Submarino.com
  • Shoptime
  • Carrefour
  • Ponto
  • Casas Bahia
  • Extra
  • Zattini
  • Leroy Merlin
  • MadeiraMadeira
  • Magalu
  • Shopee
  • Wish
  • Netshoes
  • Dafiti
  • Olist

ERPs:

  • Bling
  • Tiny
  • Wiki Sitemas
  • Zada
  • Ciss
  • Dataplace
  • Bendy
  • Ch Sistemas

Lojas Virtuais:

  • Loja Integrada
  • Nuvemshop
  • Simplo
  • Mercado Shops
  • Magento
  • Vtex
  • Dooca Commerce

Sistemas de frete:

  • Correios
  • Melhor Envio
  • Intelipost
  • SGP

Conciliadores financeiros?

  • TrackCash
  • Koncili

Por que vender em vários marketplaces?

Os marketplaces recebem milhões de acessos todos os dias e permitem que os vendedores possam usufruir desse tráfego de uma maneira acessível, sem grandes investimentos. Por isso, esse segmento tem crescido cada vez mais!

Se estar em um único marketplace já é vantajoso, imagine vender em vários simultaneamente. É uma das maneiras mais práticas de expandir um negócio e oferecer diferentes condições de envio e compra ao cliente final, pois cada plataforma pode oferecer algum tipo de benefício diferente tanto para o consumidor, como para o vendedor. 

Entre os dez maiores marketplaces do Brasil em 2021, estão:

  1. Mercado Livre
  2. Americanas.com
  3. Amazon
  4. Magalu
  5. Shopee
  6. Casas Bahia
  7. AliExpress
  8. Submarino
  9. Netshoes
  10. Extra

Vantagens de vender em vários marketplaces

Aumento de visibilidade e vendas para o seu negócio, contar com marcas de boa credibilidade no mercado e plataformas de alta performance estão entre os principais benefícios de vender em diversos marketplaces.

Aumento de visibilidade e vendas para o seu negócio

As principais empresas de marketplaces investem muito em marketing e cada uma delas atraem milhões de pessoas diariamente para as plataformas. Além disso, cada um dos marketplaces permite que o vendedor anuncie com mídia paga dentro da própria plataforma para destacar alguns produtos específicos na busca, na home do site, em banners, aplicativo, entre outros meios.

Credibilidade e confiabilidade

Os principais marketplaces do Brasil são marcas conhecidas pelos mais diferentes perfis de consumidores. São empresas que o público confia sem questionar. Portanto, ter uma dessas grandes empresas intermediando uma venda entre a sua loja e o cliente final é um fator decisivo na hora da compra, pois o consumidor se sente protegido e livre de fraudes.

Plataformas de alta performance

A estrutura que esses canais de venda oferecem é pensada para facilitar ao máximo as operações dos vendedores, além de oferecer uma excelente experiência de compra aos consumidores. Uma plataforma com excelente usabilidade requer uma equipe grande e alto investimento, o que muitas vezes não é acessível para os empreendedores que estão começando, por isso os marketplaces são uma excelente alternativa para vender bem na internet sem começar com grandes aportes.

Desafios de vender em vários marketplaces

Como qualquer modelo de negócio, é necessário pesquisar e analisar todos os prós e contras de cada marketplace antes de firmar a parceria. 

Indicamos consultar os critérios de cada plataforma para cadastro de produtos, acordos para frete, comissões, prazos de repasse de pagamento e outras regras e condições que possam interferir na operação da sua loja. 

Entre os principais desafios de vender em vários marketplaces estão:

  • Controle e atualização do estoque: por isso é imprescindível o uso de um hub de integração.
  • Destacar seus produtos perante a concorrência: o que pode ser resolvido com mídia paga dentro de cada plataforma ou ajustes em cada anúncio de produtos para torná-lo mais atrativos ao cliente final.

Sobrou alguma dúvida? Escreva nos comentários ou entre em contato diretamente conosco:

Escrito por Keila Boganika

26/07/2021

Conheça o Podcast do Conexão E-commerce!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escrito por Keila Boganika

Posts recentes

O que é CNP e como usar o Cadastro Nacional de Produtos?

O que é CNP e como usar o Cadastro Nacional de Produtos?

O Cadastro Nacional de Produtos (CNP) é um serviço prestado pela GS1 Brasil - uma organização multissetorial sem fins lucrativos - através do qual é possível cadastrar e gerenciar os produtos da sua empresa e gerar um código de barras.  Muitos vendedores começam...