Google Trends: o que é e como usar para vender mais

08/06/2021

google trends 2021

Não é espantoso para ninguém que o Google é o site mais acessado do mundo. O cenário é o mesmo no Brasil, com uma média de 4 bilhões de acessos por mês. A força desse motor de busca faz com que ele seja e ofereça ferramentas absurdamente poderosas. Uma delas é o Google Trends, que aponta as tendências de busca – e, se bem usado, pode lhe ajudar a vender mais.

Imagine-se em uma situação, seller, na qual você já sabe quais são as maiores tendências de busca sobre os produtos do seu nicho e se prepara para isso, antes mesmo das pessoas acessarem a sua loja. É como se houvesse uma bola de cristal pronta para ser usada, ajudando-o a vender mais. O Google Trends não prevê o futuro, mas dá subsídios a respeito das buscas feitas pelos usuários sobre absolutamente qualquer coisa.

Na prática, o Google Trends é uma página que permite saber o que o mundo está pesquisando. O serviço, que é gratuito, foi lançado em 2006 e desde então é uma excelente opção para quem deseja consultar quais palavras, expressões, assuntos do momento e keywords estão entre os mais buscados no momento. 

É possível aferir sobre o que é pesquisado no Brasil ou em outras partes do mundo, além de acompanhar quais temas estão em alta. Mais do que isso: o serviço permite identificar como o interesse nesses temas variou com o passar do tempo. Ou seja, é uma ótima fonte para saber se algum assunto específico está na sua curva ascendente de interesse, por exemplo.

É por essa importância que separamos algumas dicas sobre como usar o Google Trends para elaborar uma estratégia de vendas para o seu e-commerce.

Como usar o Google Trends em 2021

Se você utiliza outras ferramentas para avaliar o que está sendo mais procurado, tais como a página Tendências do Mercado Livre (veja o vídeo abaixo), já tem uma noção de como funciona o Google Trends. O mais penoso dessa tarefa está em interpretar as informações consultadas por você.

1. Familiarize-se com a ferramenta

Antes de tudo, acesse o Google Trends e observe as primeiras informações que o serviço exibe para você. A página provavelmente vai sugerir que você consulte a partir de alguns exemplos, como os interesses por sub-região nos últimos 7 dias nos Estados Unidos ou no mundo.

Logo em seguida, o Google Trends exibe a aba Destaques, na qual são mostradas as notícias e estatísticas recentes no Brasil. Em junho de 2021, os temas destacados (e suas buscas relacionadas) envolvem o Coronavírus, o Dia Internacional da Mulher, a vacina contra a Covid-19, além de outras pesquisas em alta como “Nets” (sobre o Brooklyn Nets, time de basquete profissional dos EUA).

2. Busque por um termo específico

Na barra de pesquisa, insira o termo ou assunto que você deseja. Se você trabalha com calçados como tênis, por exemplo, pode iniciar por esse artigo de vestuário. De imediato, vai ser exibido para você um gráfico referente aos últimos 12 meses, para indicar o interesse ao longo do tempo, no Brasil.

Você tem ainda a liberdade de mudar a localização para “Todo o mundo” ou outro país de sua preferência e alterar o período, que pode ser desde “Na última hora” até uma faixa de tempo personalizada por você. Um recurso muito interessante para o e-commerce está na última opção do menu suspenso do Google Trends.

Quer saber como estão as pesquisas sobre tênis no Google Shopping? É possível. Por algum motivo quer saber qual é o volume de buscas no último trimestre no motor de busca interno do YouTube? Também dá! O Google lhe dá a possibilidade de verificar essas possibilidades, tanto na Pesquisa na web (a mais comum) como nas correlatas, como Google Imagens, Google Shopping, Pesquisa de notícias e YouTube

3. Explore os resultados do Google Trends

Abaixo do gráfico principal, outras informações são fornecidas sobre o termo ou assunto definido por você. Lembre-se que os critérios definidos (tais como a localização das pesquisas e período) impactam em todos os resultados exibidos na página.

Para continuar no exemplo anterior (tênis, o artigo de vestuário), o seller inseriu a palavra-chave tênis na busca e definiu a localização como Brasil, no período dos últimos 90 dias, em pesquisas feitas no Google Shopping. Esses parâmetros podem apontar quais modelos de tênis são os mais procurados nesse período. Veja a imagem abaixo.

resultados google trends

Com base nessa pesquisa, você agora sabe que nos últimos 90 dias, em pesquisas feitas no Google Shopping por usuários no Brasil, as buscas pelo tênis Nike SB de moda urbana aumentaram 350% e estão em ascensão. O Google Trends também aponta que houve um aumento repentino de interesse pelo tênis Nike Downshifter

É possível ainda identificar esse interesse por sub-região (os estados) ou por cidade. No exemplo acima, os usuários do Rio Grande do Sul foram os mais interessados. De uma escala de 0 a 100 (em que 100 é o local com a maior popularidade como uma fração do total de pesquisas naquele local), o estado gaúcho atingiu 100. Logo atrás estão São Paulo (89) e Minas Gerais (85).

resultados google trends - interesse sub-região

Observação: sobre o índice de interesse por sub-região ou cidade, o Google aponta que “100 é o local com a maior popularidade como uma fração do total de pesquisas naquele local; 50 indica um local que tem metade da popularidade; e 0 indica um local em que não houve dados suficientes para o termo”. Além disso, “um valor maior significa uma proporção maior de consultas, não uma contagem absoluta maior. Um pequeno país em que 80% das consultas são sobre ‘bananas’ terá duas vezes a pontuação de um grande país em que somente 40% das consultas são sobre esse termo”, de acordo com o buscador.

4. Melhore os seus anúncios com o Google Trends

Como as pessoas estão pesquisando o mesmo produto? Por exemplo: fone de ouvido ou headphone? Será que na hora de comprar o novo console da Sony, os usuários estão procurando por Playstation 5 ou apenas Play 5? Essas questões podem ser esclarecidas pelo Google Trends com a possibilidade de comparar os termos de pesquisa – veja abaixo.

Google Trends - comparação de termos de pesquisa

O termo “Playstation 5” (em azul no gráfico) teve maior volume de busca em relação ao “Play 5” nos últimos 12 meses. Essas informações ajudam na hora de criar os seus anúncios, dando melhores títulos e descrições, favorecendo o SEO (Search Engine Optimization).

5. Na aba Inscrições, cadastre-se para ser notificado por e-mail sobre pesquisas

Um recurso muito interessante para quem deseja estar sempre atualizado sobre o interesse dos usuários está na aba Inscrições, no menu à esquerda da página do Google Trends. Por meio dessa opção você pode definir um assunto (“futebol” ou algo mais específico como “camisa do Flamengo”) e delimitar a região das pesquisas para ser notificado por e-mail (uma vez por semana ou por mês) sobre eventos relevantes envolvendo o assunto.

resultados google trends - inscrições

Se você simplesmente tem vontade de ficar por dentro das principais tendências de pesquisas diárias feitas no Google, a página oferece também essa possibilidade. As notificações por e-mail podem ser definidas para chegar “quando possível”, “uma vez por dia” ou “uma vez por semana” sobre o que está em alta no buscador – e na região delimitada por você.

É hora de dominar a internet!

Agora que você conhece a ferramenta, pode combiná-la com o resultado de outros serviços, como a já mencionada página Tendências do Mercado Livre ou com o SEMrush, que permite fazer uma busca avançada de palavras-chave. Outra ferramenta excelente para o e-commerce é a página Think with Google – Pesquisas de mercado, que mostra as categorias em ascensão no varejo.

Capture os resultados que melhor combinam com a sua operação e prepare-se para oferecer o que mais as pessoas desejam para alavancar as suas vendas na internet!

08/06/2021

Conheça o Podcast do Conexão E-commerce!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts recentes

O que é Picking e Packing?

O que é Picking e Packing?

Picking e Packing é um grupo de métodos de logística para organizar e melhorar a eficácia dos processos da expedição. Na tradução livre, o termo “Picking e Packing” significa “separar e embalar”.

O objetivo do Picking e Packing é implementar uma estratégia de trabalho que ajude a aumentar a agilidade e diminuir erros na separação e envio dos pedidos.