Vender autopeças online: você já pensou nisso?

11/11/2021

As mudanças dos últimos anos aceleraram uma tendência desenhada há mais tempo: lojistas ampliando seus negócios para o ambiente online ou ainda iniciando a sua trajetória no varejo por meio da internet. Independentemente do grau de experiência, muitas dúvidas surgem sobre como vender autopeças online, como criar um portfólio de autopeças na internet, além de questionamentos mais generalistas sobre o e-commerce: “como organizar o estoque?” e/ou “como vender online?”.

O mercado de reposição de peças, pneus e acessórios automotivos é um grande destaque no e-commerce. Apesar disso, o setor acabou sentindo o peso da pandemia no ano de 2020, quando a circulação de carros no Brasil caiu pela metade, segundo o levantamento feito em março do ano passado pelo VAI (Vehicle Artificial Intelligence). 

vender autopeças online ecommerce

Os efeitos apareceram nos números do setor automotivo, os quais foram publicados pelo 43º relatório da Webshoppers da Ebit|Nielsen. Conforme o relatório, o segmento teve uma queda de 46% na quantidade de pedidos e de 37% no faturamento em 2020, se comparado ao ano anterior.

Por outro lado, havia a expectativa de crescimento para o setor em 2021, quando o Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores (Sindipeças) estimou um faturamento 21% maior em relação ao ano passado. Felizmente, os números estão comprovando-se positivos. 

O Relatório do Mercado de Reposição, que é produzido pelo Sindipeças, apontou faturamento nominal 46,2% maior no acumulado de janeiro a setembro de 2021, se comparado ao mesmo período. O levantamento é feito com 42 fabricantes, que segmentam as informações em linha leve e pesada.

Os próximos anos são animadores para quem deseja vender autopeças online, conforme as projeções feitas pela KPMG na 21ª edição da Pesquisa Global com Executivos do Setor Automotivo 2020: a retomada da venda de peças e serviços para veículos deve começar em 2022, recuperando os altos níveis anteriores em 2024.

Como vender mais autopeças na internet?

Comece nos marketplaces

Vamos supor que você possui uma loja de autopeças em Campinas, no interior de São Paulo, e deseja ingressar no e-commerce. O caminho natural para muitos lojistas são os marketplaces. A categoria de Autopeças passou a ser líder no Mercado Livre em 2014, por exemplo. Ou seja, no maior marketplace do Brasil, as autopeças, pneus e acessórios têm grande destaque entre os seus usuários.

Você já vende na internet ou está começando a vender autopeças online? O blog Conexão E-commerce oferece dezenas de conteúdos gratuitos para todos os públicos. Por aqui, você pode ler sobre como começar a vender no e-commerce, como escolher o marketplace ideal para o seu nicho de mercado, como encontrar bons fornecedores e até mesmo como criar anúncios campeões

Cuidado com o portfólio para vender autopeças online

A importância de um portfólio diversificado e qualificado se revela na prática. Para ilustrar essa realidade, abaixo estão os 40 itens mais pesquisados no Mercado Livre, na categoria Acessórios para veículos, conforme a página Tendências do Meli.

  1. rádio de carro
  2. rádio pioneer
  3. radiador
  4. pneu 195 60 r15
  5. capacete personalizado
  6. lâmpada led h4
  7. carregador de bateria 12v
  8. banco xr
  9. kit gnv
  10. driver
  11. rodas 15
  12. central multimídia
  13. limpador parabrisa
  14. pneus 205 55r16
  15. filtro esportivo
  16. capacetes axxis
  17. sub 12 polegadas
  18. amortecedor titan 150
  19. kit polimento automotivo
  20. bateria moura
  21. kit gas gnv
  22. alforge moto
  23. retrovisor moto
  24. rodas 17
  25. farol
  26. manopla moto
  27. agv
  28. garmin
  29. de pneus
  30. adesivo para carro
  31. bauleto moto
  32. verniz automotivo
  33. terminal bateria
  34. scanner obd2
  35. insulfilmes
  36. chave canivete chevrolet
  37. jaqueta moto
  38. capa de chuva motoqueiro
  39. chave de roda
  40. taramps

Eleve sua gestão a um novo nível com um integrador de marketplace

Para quem está começando ou já está em atividade no comércio eletrônico, sabe que gerir uma operação de e-commerce é uma tarefa que exige tecnologia, de modo a evitar erros e gargalos. Controle de estoque? Logística? Criação de anúncios em massa? Essas são algumas características de um bom integrador de marketplace.

Além de contribuir para uma boa gestão, o integrador é uma ferramenta para vender mais. Afinal, além de acelerar e qualificar os processos, você pode incluir os seus produtos nos principais marketplaces do país com alguns poucos cliques. Um exemplo de integrador de marketplaces é o Ideris. 

Setor automotivo para e-commerce é forte no Ideris

Você sabia que 10% do e-commerce passa pelo Ideris? São mais de 68 milhões de anúncios gerenciados pela solução, com GMV de R$ 8,82 bilhões. De tal forma que quase 20% dos clientes que passam a integrar com o Ideris trabalham com acessórios para veículos. 

O Ideris nasceu com esse propósito: ser um integrador completo de marketplace para gerenciar a sua operação. Com o hub você pode controlar todas as etapas da logística, desde a separação do produto ao frete de envio, além de unificar o controle de estoque de todos os seus canais de venda. 

Caso você ainda não conheça, é possível testar o Ideris por sete dias gratuitamente. Durante esse tempo, você vai ter um parceiro para vender nos principais canais de venda e otimizar os seus resultados. Conexão gera oportunidade!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.