Natal 2021: como se preparar para as vendas online?

Escrito por Keila Boganika

09/12/2021

Em 2020, o e-commerce brasileiro cresceu 154% nas vendas durante toda semana do Natal (de 20 a 26 de dezembro) em relação ao mesmo período do ano anterior. O levantamento foi feito pela Mastercard SpendingPulse, empresa responsável por mensurar as transações no varejo.

Segundo o mesmo estudo, os segmentos que mais cresceram ao longo da semana do natal foram, surpreendentemente, as drogarias (alta de 213,1%), móveis (137%) e eletrônicos (136,1%). 

Mesmo com a abertura do comércio presencial e redução das normas de isolamento social, a projeção para o Natal 2021 do e-commerce no Brasil continua sendo boa: segundo pesquisa da Ebit | Nielsen, o varejo online deve faturar R$ 110 bilhões neste ano – 26% a mais do que em 2020, ou seja, embora o maior crescimento tenha sido no ano passado, as vendas na internet continuam em alta.

Com o cenário otimista surge a dúvida: como vender no Natal 2021? E quais estratégias utilizar para conquistar os clientes nas compras de fim de ano? São essas perguntas que viemos responder no post de hoje com algumas dicas para te ajudar!

Lembre-se que um excelente atendimento é fundamental

Em épocas de grandes campanhas, é comum nos preocuparmos com estratégias específicas e diferentes do qual já estamos acostumados, mas isso não pode impedir que as boas práticas básicas sejam cumpridas: prestar um bom atendimento, atender aos prazos de postagem, realizar trocas o mais rápido possível, responder dúvidas, embalar com cuidado os produtos, entre outras atividades que são obrigatórias para o sucesso das vendas de qualquer lojistas.

Época de promoções são sempre uma porta de entrada para novos clientes que não têm o hábito de comprar online ou ainda não conhecem a sua loja online, então garantir uma ótima experiência do consumidor é fundamental para conquistar e reter mais clientes.

É importante ter cuidado para não prejudicar a reputação do seu e-commerce ou da sua conta em marketplaces com erros como:

  • Vender produtos sem estoque.
  • Atrasar a expedição de produtos.
  • Envio de produtos incorretos.
  • Demora para responder às reclamações.
  • Tudo isso pode gerar uma série de reclamações e avaliações negativas, além de criar uma primeira experiência de compra ruim. 

Prepare a sua operação

Para prestar um bom atendimento e evitar falhas na campanha de Natal 2021, é extremamente necessário preparar a operação:

  • Defina processos ágeis e cuidados para a operação e treine a equipe.
  • Analise se precisa contratar funcionários extras ou trabalhar durante o final de semana para deixar seus produtos pré-embalados.
  • Estude se precisar de alguma ferramenta para deixar a operação automatizada, mais fácil e rápida.
  • Se possível, disponibilize opções de frete com curto prazo de entrega para que os presentes cheguem a tempo ou disponibilize retirada na loja. Para quem vende em marketplaces, pode estudar os programas de frete disponibilizados pelas próprias plataformas – com o Magalu Entregas – ou conferir com os Correios e as Transportados particulares opções mais rápidas de entrega para oferecer aos clientes.

Ofereça Kits de produtos como opção de presente

Para o Natal 2021, criar kits de produtos é uma ótima maneira de promover mais vendas. Para isso, é importante sempre dar descontos no kit para que a compra de mais produtos seja atrativa para os consumidores. 

Venda produtos com preço competitivo

Na internet os consumidores conseguem facilmente comparar preços de produtos e frete para avaliar qual a melhor escolha. Por isso, analise a concorrência e os valores dos produtos semelhantes aos que você comercializa para manter seu preço atualizado e atrativo. O ideal é não estar extremamente acima nem muito abaixo dos valores praticados pelo mercado.

Lembrando que nem tudo é questão de preço, mas também do conjunto de soluções e promoções que sua loja pode oferecer ao cliente. Por exemplo, seu concorrente pode oferecer o mesmo produto mais barato, mas as condições de frete dele são mais altas do que a sua, o que faz o cliente preferir a sua loja ao invés da concorrência.

A análise do preço dos concorrentes pode ser feita manualmente com frequência. Para quem vende na Amazon, é possível configurar a precificação automática. O vendedor pode apontar que deseja que seu produto esteja sempre mais barato que o da concorrência, sempre respeitando um valor mínimo. 

Disponibilize novos produtos

É muito comum que depois da Black Friday, uma data de muitos descontos, as marcas lancem novos produtos, pois é algo que chama a atenção dos consumidores mesmo sem ser um produto com desconto. Nessa estratégia de como vender no Natal 2021, a intenção é que o produto “se venda sozinho”, ou seja, que ele seja a atração principal ao invés dos altos descontos.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.