O que é Throttling e em que isso interfere no meu dia a dia

O que é Throttling

Neste artigo, abordaremos um tema que possivelmente você sequer sabia que existia, mas que está totalmente ligado à sua rotina diária de vendas e sua interação com os canais que escolheu trabalhar.

Falaremos sobre Throttling Restring, requisições em API e tudo mais…

Vamos nessa?!

Tá?! Mas por que eu preciso preciso saber disso se eu não sou programador e tenho um sistema que faz isso por mim?

É, faz sentido…haha… mas é importante você saber um pouco sobre Throttling, para que entenda as limitações de serviços oferecidos e até onde a reponsabilidade é do Ideris ou de um terceiro. 

1. O que é Throttling?

Para não entrar em termos técnicos de programação (caso queira algo mais aprofundado, CLIQUE AQUI), vamos nos prender a tradução literal da palavra e contextualizá-la em nosso dia a dia de vendas e integrador.

A palavra Throttling significa suprimir, limitar, “diminuir a potência de”, ou seja, um Throttling é algo que limita o acesso a algo ou alguém.

Fazendo uma busca rápida na internet, você encontrará vários tipos de Throttling, como Thermal ThrottlingPower Limit Throttling e por aí vai, mas o Throttling que se aplica à nossa realidade é o de Requisições.

O Ideris é um integrador, que por sua vez conecta vários sistemas, estas conexões acontecem via API (saiba mais sobre API, CLICANDO AQUI), que são “portas” de acesso a estes sistemas, estes acessos ao sistema acontecem por meio de Requisições, que são pedidos de acesso a estas “portas”.

Então, todas as vezes que você executa uma ação dentro do Ideris, nós pegamos este “pacote de informações”, vamos até a porta (API), apertamos a campainha (Requisição), entramos na casa (Sistema Parceiros, Marketplaces e etc), fazemos o serviço e retornamos com o recibo (Notificação do canal ao Ideris).

Esta contextualização é para você entender de forma simples, como funciona a relação entre seu integrador (Ideris) e seus canais de venda, ERPs e outros sistemas integrados.

Agora, usando o exemplo acima, pense neste processo multiplicado 1.000 vezes, ou até 100.000 vezes por minutos, de vários clientes ao mesmo tempo, todos em um único funil de conexão. É fato que essa estrutura irá entrar em colapso, não conseguindo processar todas as requisições enviadas.

Os DEVs (Desenvolvedores ou programadores) usam o termo “fritar”“Vamos “fritar” o servidor dos caras…”, ou seja, o volume de requisições pode ser tão alto que simplesmente derrubaria o Servidor daquele sistema, então, para que isso não ocorra, estas empresas colocam um Throttling Restring, ou um Limite de Requisições, e assim, o software que está recebendo os serviços conseguirá processar todas as solicitações sem “fritar” seu servidor e com garantias de que tudo que foi solicitado será executado corretamente.

Então, isso é um Throttling e basicamente como ele funciona.

2. Em que o Throttling interfere no meu dia a dia?

Legal, entendi o que é um Throttling, mas o que isso tem haver comigo e com a minha integração?

Tudo! Sendo o Ideris um sistema totalmente baseado em APIsRequisições e a conexão destas informações com sistemas integrados. Todos os Throttling, de todos os sistemas que integramos, interferem diretamente em cada ação executada dentro do Ideris e que devem refletir dentro do canal de venda ou sistema integrado.

Além disso, o fato de enviarmos a requisição, não garante que ela será processada pelo sistema parceiro imediatamente. Ela pode ficar “parada” em um Throttling e demorar mais do que o “normal” para ser aplicada.

O “normal” está entre aspas, porque o que pode-se considerar normal é bastante relativo e está ligado a vários fatores secundários. Como tecnologia do parceiro, capacidade de seus servidores, estrutura de APIs, número e tipos de Throttlings entre outros.

Considerados estes pontos, sabemos que muitos destes Throttlings geram questões corriqueiras atribuídas ao Ideris.

Vejamos alguns exemplos:

  • “Ah, mas eu alterei o preço aqui no Ideris e não refletiu no XXXX…”
  • “É, vendeu no canal XXXX e não deu baixa no anúncio do canal XXXX…”
  • “Mas o vendedor me falou que era em tempo real…”
  • “Eu criei no Ideris e até agora não apareceu lá no XXXX….”

Poderíamos fazer uma lista enorme de frases desta natureza que escutamos frequentemente. Mas queremos que saibam que entendemos, concordamos e nos preocupamos profundamente com essas questões. 100%, é isso mesmo, 100% das queixas que temos são avaliadas, consideradas, discutidas e quando estão ao nosso alcance solucionadas.

Então, o objetivo deste artigo não é justificar problemas, mas sim, de forma aberta, expor a você usuário do Ideris as dificuldades existentes em se trabalhar com integração e que somos sujeitos às regras estabelecidas por nossos parceiros.

Por isso, decidimos que a melhor forma de resolvermos essa questão, era compartilhar com você, usuário, nossa dificuldade, tentar explicar de forma simples e direta este impasse, além de reforçar que trabalhamos diária e incansavelmente para construirmos tecnologias, estruturas de linguagens, engenharias de softwares que possam trabalhar sempre da forma otimizada, considerando os Throttling existentes em nossos parceiros.

Até a próxima!  

Artigo produzido por Eduardo Mendes

Escrito por Autor Convidado

19/02/2021

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escrito por Autor Convidado

19/02/2021

Posts recentes

Como vender usando o TikTok

Como vender usando o TikTok

Aplicativo mais baixado do mundo no primeiro semestre de 2020, o TikTok é um verdadeiro fenômeno – foram 315 milhões de downloads nos três primeiros meses do ano! Mas como essa plataforma de vídeos pode ser usada como canal de vendas? Saiba tudo sobre essa rede social...